Antena Livre

Município de Seia volta a comparticipar vacinação nas farmácias do concelho

À semelhança do ano passado, e tendo em vista o descongestionamento das estruturas públicas municipais de saúde e o agilizar do processo de vacinação contra a gripe, o Município de Seia volta a comparticipar a vacinação nas farmácias do concelho.

A comparticipação da administração da vacina abrange munícipes residentes no concelho, com idade igual ou superior a 65 anos, até um máximo de 2000 beneficiários.

A iniciativa resulta de um protocolo de cooperação subscrito pela Câmara Municipal, a Associação Nacional das Farmácias e a Farminveste – Investimentos, Participações e Gestão S.A., criando, desta forma, uma resposta mais alargada aos problemas e desafios gerados pela pandemia.

Apesar da vacina ser gratuita, a sua administração nas farmácias implica um custo para os utentes, até um valor máximo de 2,50 euros/ato. No âmbito do protocolado, este valor é suportado pelo Município, tendo destinado uma verba no valor de 5000 euros. “Para o efeito, o munícipe apenas tem de solicitar a sua vacinação contra a gripe numa farmácia aderente à sua escolha”, adianta a autarquia em nota.

Por esta via são criadas condições para que a faixa etária mais vulnerável tenha acesso à vacina, de forma mais próxima, evitando deslocações desnecessárias à sede do concelho.